11 min de leituraVídeo marketing em landing pages aumenta os leads?

jul 26, 2022 | Blog

Com o crescimento da presença de vídeos nas redes sociais mais populares entre as pessoas, o vídeo marketing se tornou uma poderosa ferramenta para impulsionar um negócio.

 

O video marketing funciona quase como uma caixa de papelão branca personalizada: é uma tela em branco para que a empresa possa desenvolver sua comunicação de forma criativa e planejada.

 

Esse instrumento, quando bem utilizado e aliado às landing pages, pode transformar visitantes em potenciais clientes e aumentar o engajamento nas redes.

 

No fim das contas, a pergunta que fica é: o que é um vídeo marketing e por que ele é tão vantajoso?

Explicando o vídeo marketing

O vídeo marketing faz parte do arsenal de apetrechos do marketing de conteúdo para atrair clientes, mostrando para eles algum conteúdo de relevância, que os leve a consumir os produtos e serviços daquele empreendimento.

 

Com a popularização do formato audiovisual na internet, muitas pessoas passaram a buscar informações relevantes não mais no formato de texto, mas sim no de vídeo. Isso traz muitos benefícios para quem se utiliza do vídeo marketing em seus negócios.

 

Esse nicho do marketing é fundamental, uma vez que, assim como um banner personalizado com foto, o conteúdo de uma empresa deve se parecer com a proposta dela. Em conjunto com o formato mais acessível, é fácil captar novos visitantes.

 

No entanto, mesmo sendo a nova galinha dos ovos de ouro da comunicação, o vídeo marketing deve estar muito bem alinhado com o planejamento de comunicação da empresa. Os dois devem se complementar, de forma a garantir a informação ao consumidor.

 

Por exemplo, uma empresa que comercializa caneta promocional atacado se beneficiaria muito mais de um vídeo exemplificando seu uso e exaltando suas cores do que com um texto que oferecesse as mesmas informações.

 

Ademais, o video marketing pode ser mais acessível para o público que outros formatos, já que ele dá uma voz e um rosto para uma empresa. Isso o torna um diferencial potente quando presente em landing pages, que serão vistas no próximo tópico.

O que são landing pages?

As landing pages, que em tradução livre são “páginas de aterrissagem”, são as primeiras páginas da web acessadas pelos usuários quando estes indivíduos procuram algo na internet.

 

Por exemplo, se alguém pesquisa na internet algo sobre ensino fundamental particular e a página que ela cai é a de uma escola falando acerca do ensino que ela oferece, essa é a landing page dessa instituição.

 

Essas landing pages, geralmente, são usadas no marketing para captar dados de clientes e possíveis clientes, em troca de conteúdos grátis, como e-books. Esses dados ajudam a mapear melhor o público de uma empresa e a gerar uma comunicação mais assertiva.

 

Tais páginas possuem menos textos e elementos que outras partes de um site, uma vez que o seu objetivo é exercer uma ponte rápida entre o empreendimento e o usuário. 

 

Além disso, são nas landing pages que se apresentam geralmente um formulário, que deve ser direto, a fim de não gerar dúvidas na pessoa que o preenche.

 

No fim, essas páginas da web tem como função primordial garantir a transformação de visitantes do site em potenciais compradores, ou seja, leads. 

O que são leads?

Existe uma diferença primordial entre uma pessoa que apenas visita um site e uma que deseja consumir os produtos que estão presentes nele: a intenção.

 

Assim como os clientes que estão apenas “dando uma olhadinha” em uma loja física, os visitantes de uma página da web precisam ser classificados, para que se dê a eles a atenção que precisam, com o objetivo de torná-los consumidores.

 

Os leads, como são conhecidos no marketing, são aqueles visitantes que têm potencial de virarem compradores. Nem todo mundo que visita um site virá a ser um lead, mas a estratégia certa pode captar um grande número de novos seguidores da marca.

 

Mas afinal, após toda essa explicação conceitual, qual a relação entre vídeo marketing, landing pages e leads?

Uso de vídeo marketing para ganhar clientes

A dinamicidade do conteúdo audiovisual tem sido explorada por diversos nichos, principalmente pela sua capacidade de cativar as pessoas.

 

Além disso, como as grandes redes sociais têm priorizado o formato de vídeo, seja ele duradouro ou instantâneo, é mais fácil fazer com que o conteúdo alcance pessoas novas, que são possíveis leads, por meio dele. 

 

O uso de vídeo marketing por empresas de qualquer nicho é cheio de benefícios, como esses:

 

  • Formato flexível, garantindo a liberdade de conteúdo;
  • Rapidez na produção e divulgação;
  • Fácil identificação da marca no seu ramo;
  • Fidelização de clientes.

 

A presença desses vídeos em landing pages também ajuda na tomada de decisão dos possíveis consumidores, informando-os de quais as vantagens de comprar com aquela marca.

 

Vistos os benefícios e facilidades dessa ferramenta de divulgação, no próximo tópico será explicado como começar a criar esses vídeos, independente do nicho da empresa.

Como começar a produzir vídeo marketing

Em primeiro lugar, é necessária uma fase de análise do público para saber que tipo de conteúdo ele consome e o que o motiva a buscar esse conteúdo.

 

Para que isso aconteça, diversas ferramentas de classificação dos usuários, que captam dados relacionados aos visitantes de um site, podem ser utilizadas.

 

Além disso, vídeos já podem ser usados nessa fase para conhecer o público. Gravar conteúdos respondendo perguntas comuns no ramo e colocá-los nas landing pages é um ótimo jeito de verificar o alcance desse conteúdo. 

 

Vídeos explicando o funcionamento do produto ou serviço que é o carro-chefe do empreendimento também ajudam na divulgação desse elemento.

 

Por exemplo, se um público busca contratar um serviço que realiza a higienização de cadeiras estofadas, é essencial que a empresa explique a sua capacidade de pegar o problema, que é o estofado sujo, e transformar numa solução, que é a cadeira limpa.

 

Traçar o perfil do cliente é importante para garantir que ele receba o vídeo marketing que o faça consumir o produto, justamente porque a solução oferecida é a que se adequa a ele.

 

Em segundo lugar, já sabendo que o potencial cliente está interessado no que a empresa tem a oferecer, é fundamental gerar um aprofundamento no conteúdo do vídeo marketing.

 

Nessa fase, podem ser oferecidos conteúdos com especialistas na área, que resolvam as dúvidas não tão comuns, com o objetivo de prender a atenção de quem já está buscando entender mais sobre o assunto.

 

Se a marca trabalha no ramo de climatização de ambientes comerciais, por exemplo, um vídeo com engenheiros e arquitetos explicando os benefícios desse serviço para o cliente pode ser a virada de chave para transformar um lead em um consumidor fiel da marca.

 

O terceiro e último momento vai trabalhar a confiança do cliente, para que ele volte a consumir e se torne fiel ao serviço de uma empresa.

 

Nessa fase, costuma-se utilizar vídeos de antes e depois da realização de um serviço ou até mesmo são mostrados depoimentos de clientes que estão satisfeitos com a empresa.

 

Isso ocorre, principalmente, porque os consumidores tendem a confiar na opinião de pessoas que já tiveram contato com a marca antes.

 

Então, caso um cliente, por exemplo, faça um bronzeamento artificial disfarça celulite em um empreendimento qualificado e esteja disponível para mostrar imagens do seu corpo nos momentos antes e depois do serviço, a empresa ganhará muito com isso.

 

Também é nessa fase que podem ser mostrados tutoriais e um pouco do funcionamento da empresa por dentro, para mostrar que o comprador também é parte da construção da marca.

 

Com essa organização em mãos, fica fácil começar a fazer os vídeos de uma empresa. Agora, é importante ter sempre em mãos a galinha dos ovos de ouro do marketing: um planejamento editorial.

 

Esse planejamento auxilia a distribuir o vídeo marketing e as outras comunicações da marca de forma assertiva, garantindo que não vai apresentar o mesmo conteúdo repetidas vezes para um cliente só ou pior: que vai direcionar o conteúdo errado para um lead.

 

É essencial trabalhar em conjunto com profissionais de marketing qualificados, que ajudarão a organizar e definir a comunicação da marca.

Considerações Finais

Assim como realizar a locação de multifuncional, a produção de video marketing pode ser uma mão na roda e garantir o aumento dos lucros da empresa.

 

Para que isso ocorra, é essencial verificar e conhecer bem o público do empreendimento, de forma que as landing pages sejam atrativas, com o objetivo de garantir a transformação de muitos leads em clientes fidelizados da marca.

 

Ademais, é importante realizar um planejamento editorial, como forma de assegurar que o conteúdo proporcionado aos consumidores seja assertivo e informativo.

 

Dito isso, fica fácil começar a gerar conteúdo de vídeo marketing para uma empresa e captar ainda mais clientes. Mãos na massa!

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

EnglishPortuguêsEspañol